As curvas delas estão em alta!

paulodecoracaojaneiro interna copia
Foto: Acervo pessoal


Ainda nos dias atuais, as mulheres que vestem do manequim 44 em diante encontram muita dificuldade pra se vestir. A ditadura da moda por muito tempo disse que o 38 era o manequim ideal, e é bem verdade que a mulher mais voluptuosa nunca se encaixou nesse padrão.
 

Os padrões de beleza impostos são vários, bem rígidos e irreais, mas já se foi o tempo da ditadura. Agora o que está na moda mesmo é estar bem com suas curvas, assumindo a identidade que o corpo tem. 

Muitos movimentos de mulheres plus size começaram a surgir, e o avanço da comunicação, somado ao uso das redes sociais, facilitou bastante o movimento das mulheres de tamanho maior, como também outros movimentos, é claro.  

Diante desse sucesso, os empreendedores mais visionários começaram a expandir seus investimentos para o popularmente conhecido mundo plus. Esse diversificado mercado de moda traz aos manequins maiores roupas diversas, desde as mais casuais às mais sofisticadas, atendendo à moda praia, moda fitness, lingeries… Uma infinidade de estilos, todos eles acima da etiqueta GG. 

A moda plus size não tem o intuito de esconder partes do corpo. As peças são pensadas para possuírem um bom modelo, corte e caimento, para deixar elegante quem veste a roupa. Hoje existem alguns eventos de moda plus size bem conceituados. Nesses eventos, candidatas a modelos plus size desfilam suas curvas na passarela, empoderadíssimas, como qualquer modelo tamanho 36. E é claro que por trás desses eventos estão investidores, produtores, marcas de roupas e acessórios, estilistas, cabeleireiros, maquiadores e toda uma equipe trabalhando para a propagação da beleza plus size. Eventos como esse devolvem à mulher sua autoestima e a vontade de andar na moda! 

Compartilhe esse artigo!

Gostou desse artigo? Comente!

Quer divulgar o seu negócio aqui?
Chame no WhatsApp!