COMPULSÃO POR COMPRAS

O Natal é a data mais importante para o comércio, decorrente ao alto nível de vendas. Sendo assim, há um grande estímulo ao consumidor em fazer compras, em gastar. O comércio utiliza inúmeras técnicas de vendas que levam as pessoas a comprarem por impulso em vez de necessidade, muitas vezes ativam o sistema de recompensa que fica numa área cerebral onde tem muita força biológica, força de sobrevivência o que ativa as pessoas a agirem de forma irracional, partindo do desejo e passando a ter um comportamentos em direção a concretizar a experiência de prazer.
Todos os nossos comportamentos são guiados por emoções, mesmo naquelas pessoas que acham que têm controle de tudo, aliás essas são as mais fáceis de serem “teleguiadas” por não conhecerem o funcionamento do seu comportamento. As emoções ativam o sistema de recompensa que fica localizado numa parte primitiva do cérebro. A experiência prazerosa, como por exemplo comprar algo que apazigue a angústia, sensação de desamparo ou dê sensação de pertencimento a grupos sociais que gostaria de participar, faz com que o cérebro produza um neurotransmissor chamado dopamina ativando esse sistema de recompensa. Dessa forma, esse sistema busca repetir o mesmo comportamento para ter novamente a mesma sensação de prazer.
Muitas vezes, a mesma sensação não é mais possível o que leva a pessoa a querer cada vez mais e mais a experiência, podendo se tornar um comportamento compulsivo.

Compartilhe esse artigo!

Gostou desse artigo? Comente!

Quer divulgar o seu negócio aqui?
Chame no WhatsApp!