QUEM FICA COM OS FILHOS NAS FESTAS DE FINAL DE ANO E FÉRIAS?

Foto: Shutterstock

 

Na hora da separação, as principais preocupações são o regime de visitas e o valor da pensão. Normalmente, as visitas são quinzenais e a pensão é paga pelo pai para os filhos que ficarão com mãe. Mas decidir sobre feriados e férias também é importante para evitar conflitos e desgastes que podem ser evitados com um bom acordo.

A lei não deixa claro qual é a regra nestas circunstâncias. O que pais e advogados têm buscado é um equilíbrio saudável entre pais e mães para estes casos não previstos na legislação. O usual é firmar uma alternância anual em datas como Natal e Réveillon. Uma tática adotada é definir anos pares para um e ímpares para o outro.

Em feriados prolongados, o ideal é usar o mesmo raciocínio já no início do ano, para todas as datas comemorativas do período. Também tem se estabelecido que, no período de férias escolares, a criança fique uma quinzena com o pai e outra com a mãe.

Além de evitar disputas desnecessárias entre os pais, a criança é preservada e consegue ter uma convivência equilibrada com os pais, independente do status de relacionamento de cada um.

 

Compartilhe esse artigo!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Gostou desse artigo? Comente!

Quer divulgar o seu negócio aqui?
Chame no WhatsApp!