SUICÍDIO: UM PROBLEMA DE SAÚDE PÚBLICA QUE PODE SER EVITADO

A morte sempre foi um tema evitado em nossa sociedade. O suicídio, então, tornou-se quase um tabu por ser um assunto impactante e delicado. Como forma de medida preventiva, a informação e o conhecimento são maneiras eficazes de lidar com o problema.

O suicídio é um comportamento autodestruitivo caracterizado pela vontade de morrer ou de dar fim à própria vida. Abrange todas as classes sociais e faixas etárias. Pesquisas mostram que, a cada 40 segundos, uma pessoa se mata no mundo, totalizando aproximadamente um milhão de pessoas todos os anos.

Várias questões levam alguém a tirar a própria vida. Entre elas, estão depressão, cobranças sociais, culpa, ansiedade, humilhação, etc. Nesse momento, é preciso ficar atento aos sinais que se apresentam. Falas como “não gostaria mais de viver”, “a vida perdeu o sentido e prazer” ou “seria melhor se eu não existisse mais” são de extrema angústia, solidão e pedido de socorro.

Setembro Amarelo é um mês internacional de prevenção contra o suicídio. Uma campanha que lembra a importância do falar, do observar e da sensibilidade com o outro que sofre um momento tão delicado em sua vida.

O Centro de Valorização da Vida, mais conhecido como CVV, é um canal de apoio emocional gratuito e voluntário que se disponibiliza a ouvir as pessoas que precisam desabafar, garantindo sigilo total por telefone. Caso queiram entrar em contato, o telefone é o 188. Porque falar é a melhor solução.

Compartilhe esse artigo!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Gostou desse artigo? Comente!

Quer divulgar o seu negócio aqui?
Chame no WhatsApp!