Expectativa do setor de turismo em meio a nova variante da Covid-19

O cancelamento do carnaval de rua e o recrudescimento da pandemia de Covid-19, com a nova variante Ômicron, frustrou em certa medida a expectativa da rede hoteleira no Rio em receber turistas de outros estados e países com uma ocupação em torno de 90 a 100%.

20220111 105018
É estimada uma redução em torno de 15 a 20% de ocupação nos hotéis.

Em relação ao sambódromo, certamente estará repleto de expectadores, pois toda a carga de ingressos foi vendida e será observado todos os protocolos sanitários, conforme anunciado pela prefeitura do Rio, dando segurança aos organizadores, atenuando algum temor daqueles que já se comprometeram com a realização do evento, bem como os turistas que já adquiriram seus ingressos, sejam locais ou provenientes de outros estados e/ou países.

É estimada uma redução em torno de 15 a 20% de ocupação nos hotéis em decorrência desses fatores. O que frustra também a receita financeira esperada pelo setor, porém, ainda não estimada devido à incerteza e expectativa das próximas semanas.

O cenário se torna incerto devido ao aumento de casos da pandemia, mesmo com a vacinação, impactando o evento de carnaval na sua plenitude, que requer um planejamento prévio, no que tange sua estruturação e ocupação de postos de trabalho para atender suas demandas na entrega e ser um sucesso como de anos anteriores a pandemia.

O Rio espera receber turistas, em sua maioria brasileiros, para passar o feriado na cidade. Já o tão esperado turista internacional, nesse ano, será menos visto nos hotéis, estimando- se uma redução de pelo menos 50% do observado em 2020.

* Artigo publicado pelo colunista Marco Pessoa, especialista em eventos do grupo HEL: hotéis, eventos e lazer.

Compartilhe esse artigo!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Gostou desse artigo? Comente!

Quer divulgar o seu negócio aqui?
Chame no WhatsApp!