Com baixo estoque, INTO reforça pedido de doação de sangue

O Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (INTO), do Ministério da Saúde, faz um alerta à população sobre a baixa nos estoques de sangue do hospital.

Desde o período de festas no final do ano e com o aumento dos casos de covid-19, o Hemointo – banco de sangue do Instituto – vem registrando um comparecimento de doadores bem abaixo da meta necessária para atender às cirurgias de alta complexidade realizadas no INTO.

20220115 125123
Atualmente, o Hemointo funciona às segundas, quartas e sextas-feiras, das 8h às 17h (exceto feriados)

A doação de sangue pode ser feita por pessoas que tenham de 16 a 69 anos de idade, que pesem mais de 50 quilos e apresentem bom estado de saúde. O doador deve portar um documento original de identidade e não pode estar em jejum. Jovens de 16 e 17 anos só podem doar sangue com autorização dos pais ou responsáveis legais por meio de formulário próprio do Hemointo.

Para doar, não é necessário realizar agendamento prévio. O Instituto oferece transporte gratuito para doações feitas em grupos e marcadas com a equipe de captação.

Atualmente, o Hemointo funciona às segundas, quartas e sextas-feiras, das 8h às 17h (exceto feriados), na sede do Into, na Avenida Brasil, 500, 1º andar, no bairro de São Cristóvão.

covid-19:

– Doadores que tiveram a doença ficam inaptos por 30 dias após a cura.

– Doadores que desenvolveram a forma grave da doença, ficam inaptos por um ano.

-Em caso de contato em domicílio ou de outra forma com casos suspeitos ou confirmados, os doadores ficam inaptos por 14 dias após a cessação de contato com a pessoa.

-Doadores que retornaram de viagens internacionais vindo de qualquer país ficam inaptos por 14 dias.

– Doadores vacinados com a Coronavac, da Sinovac/Butantan, ficam sem doar por 48h após cada dose.

– Doadores vacinados com a Oxford, da AstraZeneca/Fiocruz, ficam sem doar por sete dias após cada dose.

 

Compartilhe esse artigo!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Gostou desse artigo? Comente!

Quer divulgar o seu negócio aqui?
Chame no WhatsApp!